O meio ambiente também precisa de você

As organizações precisam de especialistas na área, e essa vaga pode ser sua
Empresas e organizações que dão atenção há tempos a esta causa têm resultados magníficos

Você já parou para pensar que o meio ambiente também precisa de sua mão de obra? Se você ainda não parou para refletir sobre essa indagação, é bom ficar atento, pois esta área deve demandar muito profissionais nos próximos anos. E não falo aqui de atividades na área teórica, que são primordiais, mas nas áreas técnicas nas empresas.

Hoje, as companhias estão buscando soluções que contribuam com seus valores voltados à sustentabilidade. A tecnologia neste sentido é aliada e traz muitas das respostas com as quais as empresas se deparam. Porém, é necessário contar com pessoas preparadas, dispostas a colocar a mão na massa e que saibam apresentar resultados.

Nas companhias, pipocam projetos ligados ao meio ambiente que precisam estar alinhados à cultura, apresentar resultados financeiros, ter um certo tom de inovação, engajar o público interno e externo e ajudar a replicar a ideia para outros projetos, seja dentro da própria empresa ou como fonte de inspiração para o mercado.

Claro que falar de meio ambiente não é algo novo, e empresas e organizações que dão atenção há tempos a esta causa têm resultados magníficos. É bom ler notícias como, por exemplo, de que o nosso paranaense Hospital Pequeno Príncipe foi reconhecido neste início de ano como uma das instituições de saúde com melhores ações climáticas do mundo. O Hospital recebeu o 'Global Climate Award 2021' na categoria Energy Efficiency – Silver/Eficiência Energética – Prata, concedido pelas organizações internacionais Saúde Sem Dano e Rede Global Hospitais Verdes e Saudáveis em parceria com o Projeto Hospitais Saudáveis.

Outro paranaense que se destaca é o Grupo Tacla, o maior administrador de shoppings centers do estado que vem implantando projetos de energia renovável em seus empreendimentos, trazendo economia e benefício ao meio ambiente. Na área industrial, a líder na transformação do plástico Colorfix Masterbaches recentemente lançou linhas voltadas especificamente para atender à demanda por materiais feitos de plástico sustentável. A chamada Linha Revora traz alternativas para que o mercado oferte produtos feitos de plásticos biodegradáveis oriundos de fontes renováveis, trabalhando no formato de uma economia circular – ou seja, em que todos os entes de uma cadeia são envolvidos.

A lista poderia ser ainda maior, mas a reflexão que fica é: quem faz isso acontecer dentro das empresas? Sim, são as pessoas. As organizações precisam de especialistas na área, e essa pessoa pode ser você. Fique atento e ocupe esse espaço no mercado. O mundo corporativo e o meio ambiente agradecem.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 29 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/