Sidebar Menu

Startups liberam plataformas para ajudar pequenos negócios

Empreendedores podem usar sistema de gestão da vhsys e link de cobrança da Juno
"Estamos trabalhando para ajudar os pequenos negócios sem que eles precisem gastar nada por isso", explica Reginaldo Stocco, CEO da Vhsys

De Curitiba (PR)

Às voltas com suas próprias demandas para garantir faturamento, empregos, salários e todas as contas em dia, startups de base tecnológica agora empenham seu tempo, também, para prestar serviços a quem não pode pagar por eles nesse momento. É iniciativa cidadã, mas também estratégia, porque os beneficiados de agora podem se tornar os clientes pós-crise.

A Vhsys liberou gratuitamente todo o seu sistema de gestão empresarial para pequenos empreendedores. Além de os empresários poderem utilizar serviços básicos sem nenhuma cobrança, como emissão ilimitada de nota fiscal, também será possível vender produtos usando a loja online da Vhsys ou se conectar com os principais marketplaces do país. O pacote também permite que o empreendedor usufrua de diversos aplicativos, que o ajudam a se comunicar com os clientes de maneira mais rápida. A iniciativa contribui para a gestão das micro e pequenas empresas durante a crise provocada pela pandemia de Covid-19.

A fintech Juno aliou-se ao movimento Compre do Pequeno, promovido pelo Sebrae, e lançou a própria campanha, intitulada #ApoieSuaCidade, por meio da qual oferece gratuitamente o uso de sua plataforma e o link de pagamento Venda Fácil. As cobranças podem ser emitidas via cartão de crédito ou boleto bancário, opções seguras tanto para o lojista quanto para o consumidor final. Para utilizar o Venda Fácil, não é preciso possuir um site ou uma maquininha de cartão. Basta o empresário ter uma Conta Juno e acessar o site da campanha #ApoieSuaCidade, fazer um cadastro rápido de seu negócio, com todos os detalhes sobre serviços e produtos, e gerar os links para pagamento via boleto ou cartão de crédito. Os novos cadastrados entram na plataforma em até 24 horas.

Saúde financeira

"Sabemos que a situação é anormal e que é urgente manter o controle financeiro e toda a gestão organizados, pois isso diminuirá os impactos lá na frente. Estamos trabalhando para ajudar os pequenos negócios sem que eles precisem gastar nada por isso", explica Reginaldo Stocco, CEO da Vhsys (foto). O software oferecido pela empresa permite que o empreendedor emita notas fiscais de todos os tipos (NF-e, NFS-e, MDF-e etc), controle o fluxo de caixa e a gestão de clientes, além de produzir relatórios, cadastros e outras rotinas de gestão. O sistema pode ser personalizado para diferentes tipos de negócios, como comércio, restaurantes que estejam fazendo entrega por deliveries, loja de roupas, entre outros. Os empreendedores podem gerenciar a empresa de qualquer lugar, tanto pelo computador quanto pelo celular. O cadastro deve ser feito por este link.

A ação da vhsys também oferece gratuitamente uma loja com mais de 40 aplicativos e integrações extras para vendas online, relacionamento com o cliente e ferramentas de organização. O sistema ficará liberado por 90 dias, sem a necessidade de cadastro de cartão de crédito ou qualquer cobrança antecipada. O empreendedor poderá cancelar seu acesso depois desse período. A ação é válida para novas assinaturas.

MAIS NEGÓCIOS SOB A COVID-19

Projetos concorrem a R$ 142 mil

Uma chamada pública de R$ 1,4 milhão está aberta para empresas paranaenses que estejam desenvolvendo projetos destinados ao enfrentamento da Covid-19. A iniciativa é do Sistema Fiep, por meio do Senai no Paraná, em parceria com o Governo do Estado e a Fundação Araucária. "Procuramos encontrar bons projetos que já estejam em produção, mas que necessitem de escala e infraestrutura para atingir um grande número de pessoas. Vamos financiar e apoiar soluções para promover uma entrega mais rápida e efetiva para a sociedade", diz o diretor regional do Senai Paraná, José Antonio Fares.

Além do apoio financeiro, as empresas receberão o suporte de estrutura e de equipe, com acesso aos laboratórios e pesquisadores do Senai. Os projetos devem envolver o diagnóstico, combate, tratamento e monitoramento da Covid-19. Como exemplo estão soluções de serviço remoto de saúde, aperfeiçoamento de equipamentos de proteção individual (EPI), diagnósticos rápidos, respiradores pulmonares, tecnologias para ressonância magnética e tomografia, além de soluções para controle, monitoramento e prevenção de disseminação do vírus. Os projetos receberão aporte de até R$ 142 mil e precisam ser executados em até quatro meses. Podem participar da seleção empresas de qualquer porte com sede no Paraná.

Oficina para um novo futuro financeiro

O ISAE Escola de Negócios lançou a série de oficinas "Perspectivação Online", com atividades essenciais para quem quer "mudar a mentalidade para mudar o futuro", aprendendo novos conceitos e experiências em finanças pessoais, gestão e liderança. Os alunos vão aprender a gerenciar melhor o dinheiro e fazê-lo trabalhar para o investidor. As inscrições custam R$ 290 e podem ser feitas acessando este site.

Sicredi registra aumento de 90% em novos usuários de seu aplicativo

Sem atendimento presencial, cresce o uso dos canais digitais no meio financeiro. No último mês, o Sicredi, primeira instituição financeira cooperativa do Brasil, com mais de 4,5 milhões de associados, registrou um aumento de 90% no número de novos usuários no aplicativo. Já o internet banking registrou um aumento de 73% no volume de acessos, em relação a um período normal. Entre os serviços que podem ser acessados pelos associados estão a quase totalidade das movimentações financeiras, como consulta de saldos e extratos; consulta à fatura do cartão de crédito; transferências e pagamentos com a câmera do celular; gerenciamento de investimentos; consulta de limite de crédito; simulação e contratação de financiamento; recarga de celular; geração de código para saque sem cartão nos caixas eletrônicos, inclusão de contas em débito automático e débito direto autorizado, entre outras praticidades.

Outra plataforma digital que tem feito sucesso em meio à pandemia é o recém-lançado Sicredi Conecta, aplicativo que permite que os associados anunciem e vendam produtos e serviços entre si. Desenvolvido pela startup Hallo, a ferramenta tem sido uma alternativa para manter a operação de empresas em andamento e para pessoas que querem adquirir e comercializar produtos e serviços sem sair de casa, de forma segura e por meio das facilidades de pagamento oferecidas pelo Sicredi.

Inspirar crava mais um Selo de Excelência em Franchising

A Associação Brasileira de Franchising (ABF) concedeu à Faculdade Inspirar a chancela de sua marca pela quarta vez consecutiva e a premiou com o Selo de Excelência em Franchising (SEF) 2020, que é a principal honraria do mercado de franquias brasileiro. O prêmio chega neste ano à 30ª edição. O objetivo da premiação é refletir o quanto as redes de franquias no Brasil têm se desenvolvido, buscando alcançar o mais elevado nível de eficiência em suas operações e na relação com seus franqueados. O Grupo Inspirar é a melhor franquia de cursos de pós-graduação e extensão do Brasil, presente em 19 estados, em todas as regiões do país. O evento tradicional de premiação foi cancelado devido às preocupações com a Covid–19 e o troféu será entregue diretamente às empresas distinguidas com o selo.

Veja mais notícias sobre Negócios do SulCoronavírusEconomia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 26 Janeiro 2021

Imagem do Captcha


Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

No Internet Connection