Ventiur Aceleradora capacitará 1 mil startups em São Paulo

Empresa gaúcha ajudará empreendedores a se conectarem com investidores
Uma pesquisa do Sebrae feita em parceria com a Finep apontou que 58% das startups desconhecem formas de captação de recursos

A Ventiur Aceleradora (foto), com sede em São Leopoldo (RS), inicia nesta segunda-feira (20) uma parceria com o Sebrae-SP para ajudar startups em um dos momentos mais desafiadores de sua jornada: a captação de investimentos. O programa Delta Capital tem meta de atender gratuitamente mil startups do Estado de São Paulo no período de dois anos. As inscrições já podem ser feitas aqui.

Ao serem incluídas no programa, as startups serão divididas em dois grupos. O primeiro, formado por negócios em estágio intermediário, receberão capacitação – desde a estruturação de processos internos até a formatação da máquina de vendas, passando por desenvolvimento de marketing e criação de redes de parcerias.

As startups consideradas avançadas estarão no segundo grupo e terão mentoria focada na preparação para se conectar com investidores. "A Ventiur aplicará uma metodologia de mentoria que tem sido desenvolvida e aprimorada ao longo de oito anos e que já levou à análise de mais de 3 mil startups, com diversos casos bem sucedidos", explica Sandro Cortezia, CEO da Ventiur.

Uma pesquisa do Sebrae feita em parceria com a Finep apontou que 58% das startups desconhecem formas de captação de recursos, como investidor-anjo, capital semente, venture capital, investimento coletivo (crowdfunding), subvenções e editais. No entanto, 55% delas necessitavam de crédito na pandemia para o desenvolvimento de produto, serviço ou processo novo.

Além do desconhecimento sobre o mercado de capital de risco, o diretor-superintendente do Sebrae-SP, Wilson Poit, aponta uma escassez de capacitações relacionadas à captação de investimento, já que as existentes no mercado são pagas ou em inglês, o que pode dificultar o entendimento.

"Temos um grande objetivo hoje de fomentar o amadurecimento do ecossistema paulista de startups. O papel do Sebrae-SP é contribuir para que ideias inovadoras se fortaleçam no mercado. E um desses caminhos é preparar as startups para receber investimentos e fazer essa conexão com investidores", destaca.

Criada em São Leopoldo (RS) em 2013 e com atuação nacional, a Ventiur Aceleradora já avaliou mais de 3 mil startups em todos os estados brasileiros e investiu em mais de 70 negócios inovadores, avaliados em cerca de R$ 300 milhões. Entre os cases de sucesso, estão a Devorando, vendida para o iFood em 2016; a Meerkat, vendida para a Acesso Digital no ano passado; e a Suiteshare, vendida para a VTEX neste ano.

Quer saber mais sobre empreendedorismo?
Receba diariamente a newsletter do Grupo AMANHÃ. Faça seu cadastro aqui e, ainda, acesse o acervo de publicações do Grupo AMANHÃ.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 21 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/