O solo mudou, mas você precisa germinar

Adapte-se ao Home Office para conquistar mais confiança na vida profissional
Vale lembrar que cada casa é uma casa, mas é preciso encontrar um espaço que seja o mais confortável possível para você, onde haja pouco barulho, boa luminosidade e bons móveis, ergonomicamente falando

O mercado de trabalho virou de pernas para o ar. Muitas empresas e funcionários que nunca cogitaram trabalhar distantes dos escritórios e uns dos outros, agora precisarão encarar uma nova realidade. Com a chegada do coronavírus, entrar na rotina no trabalho remoto é o grande desafio. É como se, de repente, estivéssemos em um substrato com nutrientes e estímulos totalmente distintos, mas precisássemos produzir os mesmos frutos.

Como o momento exige, pretendo neste post, relembrar dicas importantes para você que está vivendo esta situação. Antes disso, porém, vamos recapitular o perfil dos profissionais que trabalham de casa por opção e que já o faziam mesmo antes do aparecimento da Covid-19. Quem escolhe o Home Office geralmente é um profissional com grande capacidade de autogerenciamento e aptidão para realizar atividades sem a presença de colegas ao lado. Possuí também habilidade de alcançar um alto grau de concentração e de isolar-se de distrações e acontecimentos ao seu redor. Por fim, é seguro e aliou confiança à capacidade técnica.

E quanto àqueles que não contam com essas características? Ora, existe adubo, e podem seguir algumas regras de ouro e logo irão despontar. Preparar-se para ir ao trabalho é o primeiro passo, é como colocar a semente na terra antes de esperar ver a planta crescer. Nada de pijama, bermuda ou qualquer outra roupa que não seja do seu dia a dia, ou ao menos próximo daquilo que você usa; a rotina de higiene pessoal, barba, banho, cabelo deve ser seguida normalmente. Até porque, convenhamos, você pode vir a fazer um vídeo, conversar com clientes por aplicativos e não pode mostrar uma imagem de desleixo, pois seu trabalho pode soar desleixo da mesma forma. Antes de começar, planeje o dia de trabalho, definindo uma rotina diária daquilo que é preciso fazer. Quando estiver pronto, comece o dia de trabalho sempre pelas tarefas mais complexas, pois no desenrolar do dia seu pique vai diminuindo e se tornará ainda mais árduo enfrentar as tarefas difíceis.

Além do mais, é importante planejar intervalos a cada duas horas, isso ajuda a arejar, recuperar as energias e ser regado de concentração e criatividade. As pausas são a sua chave. Vale lembrar que cada casa é uma casa, mas é preciso encontrar um espaço que seja o mais confortável possível para você, onde haja pouco barulho, boa luminosidade e bons móveis, ergonomicamente falando. Combine os horários com toda a família e tenha muito foco naquilo que deseja produzir.

Alcance tranquilidade e produtividade nesse momento de isolamento social e saia dessa crise mais confiante no seu potencial em Home Office! 

Veja mais notícias sobre Recursos HumanosCoronavírus.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 12 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/