Sidebar Menu

Taurus cria joint venture para fabricação de carregadores

Companhia firmou contrato com a Joelmi, de Guarulhos
A joint venture terá uma capacidade instalada de 7,4 milhões por ano até o final de 2022 e sua ampliação poderá ser antecipada

A Taurus e a Joalmi assinaram nesta quinta-feira (8) um acordo para criação de uma joint venture que permitirá a fabricação e comercialização de carregadores e outros componentes estampados de armas leves para o mercado nacional e internacional. A tecnologia empregada na fabricação dos carregadores, além de ser considerada pela companhia estratégica, é fundamental para o perfeito funcionamento e segurança das armas. A parceria vai tornar a Taurus autossuficiente na produção de carregadores, mercado atualmente dominado por poucos fornecedores estrangeiros.

A nova empresa de carregadores iniciará sua produção ainda neste ano de 2020 e, de acordo com o presidente da Taurus, Salesio Nuhs, está totalmente alinhada com a estratégia global de tornar a unidade do Brasil a mais eficiente fábrica de armas no mercado mundial e um hub de distribuição de peças a todas unidades do grupo, para sustentar o eficiente e lucrativo modelo produtivo. Também promoverá a entrada da Taurus em um novo segmento de negócio, que é o mercado de reposição, atualmente não explorado pela companhia.

A demanda anual da Taurus é de aproximadamente 5 milhões de carregadores, considerando as fábricas do Brasil e dos Estados Unidos, sem contar outras empresas e o enorme e promissor mercado de reposição. A joint venture terá uma capacidade instalada de 7,4 milhões por ano até o final de 2022 e sua ampliação poderá ser antecipada, dependendo da atuação da empresa no mercado de reposição. A joint venture terá capital acionário formado por ambas as empresas, na proporção de 51% para a Taurus e 49%para a Joalmi.

Atualmente, a Joalmi conta com uma moderna planta industrial localizada em Guarulhos (SP). A empresa é especialista em engenharia, tecnologia e desenvolvimento de peças estampadas em metais ferrosos e não ferrosos, em sua maioria relacionadas com sistemas de segurança automotiva e fabrica produtos aplicados em diversos modelos das principais montadoras brasileiras e internacionais, tais como: Jeep, Peugeot, Citroen, Chery, Hyundai, VW, Ford, Volvo e Renault. A operação será iniciada no parque industrial da Joalmi, com previsão de transferência em 2021 para o complexo industrial da Taurus, em São Leopoldo (RS).

Essa é a segunda joint venture assinada pela Taurus este ano. Em janeiro, a empresa realizou parceria com o Jindal Group, um dos maiores conglomerados de negócios indiano e global, para fabricação e comercialização de armas no promissor mercado da Índia.

Veja mais notícias sobre EmpresaNegócios do SulRio Grande do Sul.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 23 Novembro 2020

Imagem do Captcha


Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

No Internet Connection