Sidebar Menu

A prosperidade na ponta dos dedos

A Bunge prospera ao apostar na digitalização de toda a cadeia do agronegócio – a começar pelo homem do campo
A Bunge é a maior empresa da região e também de Santa Catarina, de acordo com o ranking 500 MAIORES DO SUL, publicado por AMANHÃ com o apoio técnico da PwC

A maior empresa da Região Sul pode ser descrita como um grande transatlântico. Líder no processamento de soja e trigo, a Bunge é uma das maiores companhias do agronegócio mundial, com mais de 100 unidades entre fábricas, moinhos, silos, instalações portuárias e centros de distribuição em todo o Brasil. Na divisão de agronegócios, é a empresa com a maior presença de silos e fábricas de processamento de soja no país, além de movimentar operações portuárias como nenhuma outra companhia do setor, garantindo que as commodities agrícolas cheguem a qualquer parte do mundo. No dia a dia do consumidor final, está presente com as marcas Salada, Primor e Soya – a marca de óleo vegetal mais vendida no Brasil, com presença em 75% dos lares brasileiros. Além disso, a Bunge fornece farinha de trigo, óleos e gorduras vegetais para diversas indústrias alimentícias e não alimentícias [nutrição animal, cosméticos, produtos químicos], através de marcas referência no mercado como Suprema, Pré-Mescla e Predileta. Com tamanho peso e envergadura, pode-se imaginar que só mesmo um evento de proporções gigantescas como uma pandemia possa trazer instabilidade aos negócios da companhia.

Mas, apesar das restrições decorrentes do novo coronavírus, não houve rupturas nas operações da companhia. A demanda mundial por alimentos segue firme e a Bunge vem conseguindo cumprir seu planejamento. Com a chegada da pandemia, as unidades produtivas foram reorganizadas para garantir a segurança dos funcionários que atuam nas fábricas, com a adoção de A diversas medidas de segurança não só para os colaboradores, mas também para terceiros e caminhoneiros. Além de disponibilizar locais para a higienização e orientá-los sobre as medidas preventivas, no período mais agudo da pandemia, a Bunge chegou a disponibilizar, diariamente, 4 mil kits de alimentação a caminhoneiros parceiros em unidades da companhia em todo o Brasil.

"Nesse período de pandemia, percebemos o quão grande é nossa capacidade de adaptação, execução e de desenvolvimento de soluções criativas para responder aos mais diversos desafios. As transformações impostas pelo novo coronavírus são profundas e muitas delas serão perenes. Vamos sair dessa pandemia com ganhos significativos em capital humano e inovação, não só tecnológica, mas também em inteligência de negócios. Empresas são feitas de pessoas e são os mais de 6 mil colaboradores da Bunge no Brasil que permitem à companhia continuar desempenhando o papel de prover alimentos à população, missão tão essencial", avalia Raúl Padilla, presidente de operações globais da Bunge.

De forma geral, a Bunge vem alcançando bons resultados em todos os segmentos em que atua globalmente, com destaque para o agronegócio – reflexo das diversas iniciativas que a companhia vem desenvolvendo no Brasil. O lucro líquido no trimestre encerrado em 31 de dezembro foi de US$ 551 milhões, ou US$ 3,74 por ação, o que se compara com uma perda de 51 milhões, ou US$ 48 por ação, um ano antes. A receita saltou quase 17%, para US$ 12,6 bilhões. O CEO da Bunge, Greg Heckman, relatou que o desempenho da empresa em 2020 foi excepcional e que espera que o mercado favorável continue em 2021, refletindo forte e crescente demanda, bem como oferta apertada. Em 2020, foi dada continuidade ao processo de otimização do portfólio da companhia, que tem como foco fortalecer a posição de liderança global da empresa no processamento de oleaginosas. As mais recentes foram a consolidação de venda dos ativos de margarina e maionese para a Seara e a aquisição de duas plantas de esmagamento de soja da Imcopa, localizadas no Paraná, que adicionarão 1,7 milhão de toneladas em capacidade de processamento.

Compra digital de grãos
Em outubro do ano passado, a empresa firmou uma parceria comercial inédita com a Orbia, o maior marketplace do agronegócio do país, uma estratégia para fortalecer a capacidade de originação [compra de grãos] no Brasil. Essa parceria inaugura uma nova era para a originação de grãos no país, tornando o processo 100% digital, mais ágil e facilitado ao produtor rural, que pode vender a sua safra de maneira autônoma e simplificada, na medida em que todo o processo, desde a cotação até a assinatura do contrato, pode ser realizado on-line. Também possibilita operações mais sofisticadas no ambiente digital, como barter – pagamento pelo insumo através da entrega do grão na pós-colheita. Assim, produtores rurais interessados em comprar insumos em canais de distribuição na plataforma terão a opção de realizar o pagamento com grãos.

A Bunge é a primeira trading no Brasil a realizar esse tipo de acordo e possibilitar tal operação. A iniciativa faz parte do movimento de transformação digital que a Bunge tem promovido nas principais áreas de seu core business. "O agronegócio sempre foi muito inovador da porteira para dentro e, agora, estamos liderando o movimento de modernização dos processos de comercialização e transporte da porteira para fora", celebra Padilla.

Recentemente, a Bunge também lançou o Vector, ferramenta que possibilita a digitalização de todo o processo de contratação de frete rodoviário para o transporte dos grãos da empresa, agiliza o processo e reduz a necessidade de interação direta na negociação. Com 50 mil downloads e 38 mil cadastros efetivos até o momento, o aplicativo já é responsável por 95% das movimentações de cargas da Bunge no modal rodoviário no Brasil. Sucesso semelhante foi alcançado com o Agroapp Bunge, uma nova ferramenta de comunicação que a Bunge criou para prover ao produtor informações e apoio para a agricultura sustentável. "Com a adoção do nosso novo modelo operacional global, baseado em cadeias de valor, estamos bem posicionados e preparados para continuar enfrentando cenários desafiadores", promete Padilla.

Veja mais notícias sobre EmpresaNegócios do SulSanta Catarina.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 05 Mai 2021

Imagem do Captcha


Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

No Internet Connection