HomeCarbon lança solução para gerenciamento residencial de energia elétrica

Startup aposta que investimento em transformação digital é essencial também para o consumidor final
O Energia das Coisas vem sendo desenvolvido desde 2017, quando o sistema foi instalado em fase de pré-testes em mais de 50 domicílios

Investir na transformação digital não é apenas pensar na empresa, mas sim em toda a sociedade. A transformação digital otimiza o desempenho e melhora os resultados tanto no mundo corporativo, quando no ambiente doméstico. Com essa proposta, a startup HomeCarbon Energy Solutions lançou o aplicativo Energia das Coisas, uma solução que permite ao próprio cidadão controlar, por meio de aplicativo, o uso da energia em sua casa ou comércio. Além da possibilidade de economia, o sistema promove a conscientização e mudança de hábitos de consumo, indicando ações sustentáveis.

O diretor Rodrigo Lagreca diz que o impacto da transformação digital na sociedade é significativo. "Tivemos mudanças na forma como vivemos. Hoje estamos mais atentos às decisões tomadas no mundo digital. Com o aplicativo, a energia deixa de ser invisível, ou seja, o consumidor consegue perceber como acontece o consumo, em tempo real", explica. Pelo aplicativo, o consumidor consegue coletar dados sobre o consumo de energia elétrica, assumindo o controle do seu consumo e a tomada de decisões para economizar.

O Energia das Coisas vem sendo desenvolvido desde 2017, quando o sistema de monitoramento foi instalado em fase de pré-testes em mais de 50 domicílios distribuídos em seis concessionárias pelas cinco regiões do país. "É uma ferramenta que possibilita o engajamento do consumidor, pois a cada ato que faz em casa, como por exemplo ligar o chuveiro, o monitor acusa esse aumento de carga. Essa resposta rápida que o equipamento proporciona permite ao consumidor se envolver e entender os impactos que isso causa no bolso, ou seja na fatura que vem para ser paga", explica Lagreca.

O valor investido no desenvolvimento do aplicativo deve passar de R$ 1,5 milhão e um aporte de mais R$ 500 mil deve ser feito no primeiro semestre. A empresa pretende vender 100 unidades por mês ainda no primeiro trimestre e a 200 unidades a partir daí, com oferta on-line e em lojas físicas

O produto está disponível para venda no site www.energiadascoisas.com.br, além dos principais marketplaces, como Mercado Livre, Magalu e Amazon. Para instalação, a recomendação é que seja realizada por técnico certificado com NR10.

Veja mais notícias sobre AMANHÃ SustentávelEmpreendedorismoParaná.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 29 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/