Catarinense Milon planeja 15 novas lojas neste ano

Subsidiária fechou 2023 com um crescimento de 24%, alcançando mais de R$ 150 milhões em faturamento
Rede chegou a 105 unidades em 2023, com a abertura de 11 novas operações

A rede Milon, pertencente ao Grupo Kyly, uma das maiores empresas de vestuário infantil no Brasil, fechou 2023 com um crescimento de 24%, alcançando mais de R$ 150 milhões em faturamento. Na comparação de vendas entre as mesmas lojas, a alta foi de 10%. Em número de lojas a rede chegou a 105 unidades, com a abertura de 11 novas operações. Para este ano, a rede planeja 15 novas unidades, com foco no Nordeste, Sudeste e Sul, além de seguir com a estratégia de conversão de lojas próprias para franquias, com ao menos outros 15 pontos ao longo de 2024.

"Inicialmente, buscamos abrir unidades em empreendimentos que vemos como estratégicos, por trazerem boas oportunidades à marca, por conta da localização, público-alvo e até mesmo a carência de negócios com mix infantil em determinados shopping centers", explica Claudinei Martins, diretor executivo comercial e de marketing do Grupo Kyly. Para os próximos 12 meses, a rede espera que haja uma melhora na intenção de compras e meteorologia mais estável, fator este que influencia diretamente na venda de peças de vestuário infantil. Neste cenário, a Milon projeta um incremento de 20% no faturamento anual.

Com sede em Pomerode, a Milon também exporta produtos para mais de 35 países. Em 2023, a marca aumentou sua presença na Europa. O mercado americano continua forte nos planos de crescimento da Milon no exterior. A marca atua no mercado desde 2006 e é conhecida pela inspiração europeia e estilo clássico, e veste desde bebês até o tamanho 14. Fabricados com tecidos e detalhes exclusivos, os produtos Milon possuem alto valor agregado e excelente custo-benefício. Atualmente, são 105 lojas físicas em operação, sendo 79 franquias e 26 lojas próprias. O investimento inicial para se tornar um franqueado é de R$ 350 mil, com prazo de retorno a partir de 24 meses.

Veja mais notícias sobre Negócios do SulEmpresaSanta Catarina.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 24 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/