Charrete da Cidade das Águas debate arquitetura de bairro-cidade de Joinville

Evento reunirá profissionais da área na Pedra Branca, em Palhoça
Convidados de São Paulo, Porto Alegre, Joinville e Florianópolis também marcarão presença para contribuir no projeto

Aproximadamente 75 pessoas, entre arquitetos e urbanistas, paisagistas, engenheiros e incorporadoras, se reunirão nesta quarta e quinta-feira, 6 e 7 de abril, para debater sobre o 1º bairro-cidade de Joinville (SC), a Cidade das Águas. O encontro, que será realizado na cidade criativa Pedra Branca, em Palhoça, na Grande Florianópolis, é mais um passo para a criação do bairro que, desde o início, está sendo feito de maneira colaborativa.

A Charrete [processo de várias etapas de cocriação] estimulou uma série de debates temáticos: diagnóstico da cidade e do entorno do bairro, ouviu a comunidade, estabeleceu uma identidade arquitetônica, consolidou os projetos de paisagismo, quadras e edifícios.

Nesta edição, a ideia é que os profissionais consolidem a identidade arquitetônica dos edifícios, da relação do térreo com espaço público e suas fachadas ativas, a volumetria das edificações e direcionem a discussão de quais serão os produtos imobiliários que o bairro irá oferecer, especialmente, relacionados à moradia. Todo esse debate será feito na Pedra Branca, o que permitirá que os participantes do evento, especialmente os incorporadores, possam verificar os conceitos aplicados na prática.

"Estamos confiantes que o paisagismo e a arquitetura da Cidade das Águas estão lindos e bem encaminhados. Cumprirão nosso propósito de entregar espaços públicos projetados para o convívio entre as pessoas, encorajar caminhadas, corridas, integrar a natureza à vida urbana do nosso endereço e permitir que as pessoas possam morar, trabalhar, estudar e se divertir", afirma Danilo Conti, diretor geral da Cidade das Águas. "A partir de agora, daremos início às discussões dos produtos imobiliários que iremos desenvolver. Sempre deixamos claro que a Cidade das Águas seria um empreendimento feito em parceria com a própria cidade e convidar os Incorporadores, neste momento, reforça este posicionamento", completa Conti.

A Cidade das Águas será um bairro aberto, disponível a todos os joinvilenses, sem barreiras de entrada e saída, com mais de 30 mil metros quadrados de áreas destinadas a valorizar o convívio entre as pessoas em praças, calçadas, ruas e parques. Quem trouxe esse olhar foi o arquiteto Maximus Rumis, um dos fundadores da DPZ Latin America e da Keystone – referências mundiais no Novo Urbanismo, com projetos desenvolvidos nos Estados Unidos e na América Latina. Ele é o responsável por assinar o masterplan da Cidade das Águas e vem de Miami exclusivamente para esse encontro. Convidados de São Paulo, Porto Alegre, Joinville e Florianópolis também marcarão presença para contribuir no projeto.

Veja mais notícias sobre Negócios do SulSanta Catarina.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 12 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/