BC dos Estados Unidos decide manter juros inalterados

Taxa apresenta o maior índice dos últimos 23 anos
Para o Fed, "as perspectivas econômica são incertas"

O Federal Reserve (o Fed, o Banco Central dos Estados Unidos) decidiu, por unanimidade, manter a taxa de juros inalterada no intervalo entre 5,25% e 5,5%. É o maior índice dos últimos 23 anos. "Indicadores recentes sugerem que a atividade econômica continuou a expandir-se a um ritmo sólido. Os ganhos de emprego permaneceram fortes e a taxa de desemprego permaneceu baixa. A inflação diminuiu ao longo do ano passado, mas permanece elevada. Nos últimos meses, [também] registaram-se novos progressos modestos em direção ao objetivo de inflação de 2%", argumentam os membros do colegiado no comunicado distribuído depois da reunião desta terça-feira (12).

"O comitê considera que os riscos para alcançar os seus objetivos de emprego e inflação evoluíram para um melhor equilíbrio ao longo do ano passado. [No entanto], as perspectivas econômicas são incertas", destaca o texto do Fed. O BC norte-americano também reiterou que continuará a reduzir as suas participações em títulos do Tesouro e dívida de agências e títulos garantidos por hipotecas de agências.

Veja mais notícias sobre EconomiaMundo.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 21 Julho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/