Fiesc nota boa manutenção da BR 101 Sul

Concessionária CCR Via Costeira realizou obras previstas, segundo estudo
O contrato de concessão do trecho Sul da BR 101, iniciado em agosto de 2020, apresenta avanços significativos em relação a concessões mais antigas, como a do trecho Norte da rodovia

A qualidade da manutenção e conservação dos pavimentos e dispositivos de proteção e segurança da BR 101 Sul foram destaque na análise expedita encomendada pela Federação das Indústrias do Estado de SC (Fiesc), apresentada nesta quinta-feira, dia 2, em reunião híbrida da câmara de transporte e logística da entidade. O estudo, elaborado pelo engenheiro Ricardo Saporiti, salientou o bom estado de conservação dos pavimentos flexíveis, iluminação e sinalização. Saporiti também evidenciou a qualidade das obras previstas no contrato de concessão, como marginais, pontes e melhorias nos acessos, entre outros.

O presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar, considerou positivo o resultado da avaliação. "A Fiesc monitora e acompanha a execução de 75 obras em Santa Catarina, e infelizmente não é frequente nos depararmos com tantas boas notícias. A análise mostra que a rodovia BR 101 Sul está atendendo os usuários com qualidade", resumiu. O presidente da câmara da entidade industrial, Egídio Martorano, destacou que o contrato de concessão do trecho Sul da BR 101, iniciado em agosto de 2020, apresenta avanços significativos em relação a concessões mais antigas, como a do trecho Norte da rodovia. "O Brasil aprendeu com as experiências anteriores e conseguimos fazer ajustes e melhorias no processo de licitação e no contrato, o que se reflete em parte na qualidade do serviço que a concessionária vem apresentando nestes quase três anos", destacou.

A análise também apontou que, desde o início da concessão, já foram construídas quatro praças de pedágio, duas passarelas de pedestres, três pontos de ônibus e pontes em vias marginais. Além disso, foram executadas sete melhorias em acessos, a implantação de uma rotatória e a reforma do posto de pesagem veicular. O pavimento também foi restaurado e foram implantadas outras melhorias. Durante a reunião, também foi discutida a possibilidade de extensão da concessão da BR 101 Norte, com a Fiesc reiterando a necessidade de transparência e de segurança jurídica no processo, além de participação da sociedade catarinense nas discussões para definir obras prioritárias.

Veja mais notícias sobre InfraestruturaSanta Catarina.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 16 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/