Tecnova 3 destinará R$ 30 milhões para apoiar a inovação em Santa Catarina

A chamada pública é aberta para a participação de empresas que faturaram até R$ 16 milhões em 2023
Os projetos submetidos para o processo de seleção do Programa Tecnova 3 devem solicitar valores de, no mínimo, R$ 477 mil e, no máximo, R$ 702 mil

Nesta terça-feira (26) o governador Jorginho Mello, oficializou o aporte estadual de mais de R$ 30 milhões para as micro, pequenas e médias empresas investirem no desenvolvimento de produtos, bens, serviços e processos inovadores em Santa Catarina. Os recursos serão provenientes do edital de chamada pública 11/2024 do Programa Tecnova 3, desenvolvido pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), em conjunto com a com a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). O lançamento do Tecnova 3 ocorreu na sede da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), em Florianópolis. O Tecnova é um programa de apoio à inovação promovido pela Finep em todo o Brasil. Em Santa Catarina, a Fapesc é responsável pela sua execução. Os interessados em submeter propostas no edital 11/2024 poderão fazer pelo sistema SIGFapesc até 27 de maio de 2024.

O presidente da Fapesc, Fábio Wagner Pinto, afirma que a terceira edição do edital do Tecnova é um momento histórico para Santa Catarina. Segundo ele, o fato de Santa Catarina, ao lado do Paraná, ter o maior orçamento do Brasil para o programa (cada um com subvenção econômica de R$ 30,1 milhões) reforça a importância do estado no cenário nacional. "Isso mostra toda a dinâmica e toda a grandeza do nosso ambiente de inovação. Escolhemos, em parceria com a Finep, promover um edital de mais de R$ 30 milhões para empresas que querem lançar produtos, entrar em novos mercados ou mesmo internacionalizar o seu negócio. Estas micro, pequenas e médias empresas terão suporte do Governo do Estado através desse edital da Fapesc", salienta.

A chamada pública é aberta para a participação de empresas que faturaram até R$ 16 milhões em 2023. Os projetos submetidos para o processo de seleção do Programa Tecnova 3 devem solicitar valores de, no mínimo, R$ 477 mil e, no máximo, R$ 702 mil. As empresas beneficiadas darão um percentual mínimo de contrapartida, de acordo com a sua receita operacional bruta no ano passado. Juntos, o Tecnova 1 e 2, beneficiaram 80 projetos de empresas com sede em Santa Catarina. Para a terceira edição, o número de propostas selecionadas também aumentará, podendo chegar a 60. Outra novidade do programa para 2024 é que além do valor de subvenção econômica principal, cada empresa poderá optar por receber recursos de até R$ 75 mil para investir em aceleração e até R$ 27 mil para utilizar em projetos de internacionalização.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 22 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/