Sidebar Menu

Imed se torna sócia-fundadora do Instituto Caldeira

Parte das operações da instituição deverá ser transferida para o local
O Instituto Caldeira reúne iniciativas e parceiros ligados à nova economia

Neste mês, a Imed aderiu como sócia-fundadora ao Instituto Caldeira, para onde pretende transferir parte de suas operações nas áreas da tecnologia e politécnica, com os cursos de ciência da computação, engenharia civil e arquitetura e urbanismo.Será a primeira instituição de ensino superior a integrar o espaço. A assinatura do ingresso da Imed ocorreu no próprio instituto e teve a participação do presidente do conselho de administração da instituição, Claudemir Bragagnolo, e da presidente da fundação Imed e da Aliança Empresarial Norte, Márcia Capellari, além dos representantes do Caldeira Pedro Valério e Marciano Testa.

A Imed também conectou a iniciativa a outros dois hubs de inovação do Rio Grande do Sul: o próprio Caldeira e o Instituto Hélice, na Serra Gaúcha. Segundo Márcia Capellari, gerar inovação no meio empresarial tem como objetivo estruturar empresas tradicionais para terem atitudes e pensamentos adequados à nova economia, além de gerar cooperação e incentivo a novos negócios. Recentemente, as empresas da Aliança iniciaram a preparação de uma tese de investimento em startups, que irão resolver demandas das aliançadas, com potencial para se transformarem em novas oportunidades de negócios.

O Instituto Caldeira reúne iniciativas e parceiros ligados à nova economia, conectando empresas, universidades, startups e diferentes interessados na transformação digital dos negócios e no fomento do ecossistema gaúcho.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 05 Agosto 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

No Internet Connection