Sidebar Menu

Plataforma para match de negócios oferece cadastro gratuito em novembro

Idelo soma R$ 270 milhões em potencial de negócios, reunindo empreendedores e investidores
Com sede em Curitiba e escritório em São Paulo, a plataforma tem clientes em todo o país

A plataforma de empreendedorismo Idelo, especializada em reunir empreendedores e investidores, abriu sua área de cadastro de novas ideias, sem custo para os interessados que se inscreverem no mês de novembro. Com sede em Curitiba e escritório em São Paulo, a plataforma tem clientes em todo o país e coleciona números robustos em dois anos de atuação:, cerca de 300 projetos cadastrados, R$ 270 milhões em potencial de negócios e 4 mil usuários.

A gratuidade oferecida em outubro e novembro representa uma economia de R$ 89,90 por projeto, valor que corresponde à exposição por seis meses. Os empreendedores beneficiados terão os benefícios do plano premium, que garante a revisão e moderação do projeto pelos analistas da Idelo, para atender o padrão de informação para investidores. Não estão incluídos o acesso ao suporte, mentorias ou a participação em reuniões presenciais. Já o investidor que se cadastrar até novembro receberá 100 créditos para visualizar os projetos. Cada crédito permite a visualização de um projeto. Os créditos poderão ser utilizados por seis meses e ao final deste período novos créditos podem ser adquiridos.

"O brasileiro é conhecido por ser muito criativo e, com a pandemia, muitas pessoas estão buscando empreender nas mais diversas áreas, alguns até usando suas rescisões e auxílio emergencial para o investimento inicial. A Idelo é um potencializador disso: boas ideias que podem se tornar grandes negócios e nós criamos as conexões", garante Maxiuel Cerizza (na foto, à esquerda), fundador da Idelo em conjunto com Daniel Bacellar (na foto, à direita).

Entre os cases de sucesso da Idelo está o empreendedor Luiz Eduardo Lopes do Nascimento. Em agosto de 2019, ele decidiu tirar do papel um projeto ousado: um marketplace para a compra e venda de material genético, além de produtos e serviços de pecuária. A Embry foi apresentada durante o Idelo Pitch Day Experience, evento que contou com uma banca de jurados formada por investidores e CEOs. Entre eles, estavam o especialista em inovação e empreendedorismo Allan Costa e o engenheiro e especialista em marketing digital Luis Fernando Justus. A empresa foi aprovada para tornar-se a primeira empresa a ser acelerada pela Agsus Agrifunding, uma venture building de Uberlândia, Minas Gerais.

Já a Autofarma nasceu do sonho de empreender de Rodrigo Júnio. Trata-se de um serviço de venda de artigos farmacêuticos e medicamentos isentos de prescrição, 24 horas, por meio de vending machines. "O projeto ainda está na ideação, não recebeu quaisquer investimentos, mas já entrou no processo de germinação do programa de aceleração Pólen do Centro Universitário Augusto Motta, a Unisuam, do Rio de Janeiro", conta Júnio.

Veja mais notícias sobre EmpreendedorismoEmpresaRio Grande do Sul.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 24 Novembro 2020

Imagem do Captcha


Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

No Internet Connection