Sidebar Menu

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

Setor automotivo caiu 89% de março para abril, segundo cálculo do IBPT

Estudo do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação se baseia na emissão de notas fiscais eletrônicas
Apesar de estar classificado como atividade essencial pelo plano federal de contingência, o transporte de cargas também desacelerou

De Curitiba (PR)

O impacto das restrições impostas pela pandemia da Covid-19 na economia brasileira ainda não é inteiramente conhecido, mas alguns indicadores começam a surgir e trazem resultados perturbadores. Levantamento do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT) mostra quedas acentuadas na movimentação de cargas em 11 de 15 segmentos monitorados. A retração mais acentuada ocorreu no setor automotivo, com queda de 89,7% no período de 16 de março a 15 de abril, em relação aos 30 dias anteriores. O cálculo dessa média considera dados das montadoras de veículos e de toda a cadeia de matérias primas, peças e acessórios, incluindo distribuição e varejo.

A metodologia leva em conta a quantidade e valor das Notas Fiscais Eletrônicas (NF-e) emitidas desde janeiro de 2018, com comparativo mês a mês, até a primeira quinzena de abril de 2020, informa o head de estudos do IBPT e do Empresômetro Inteligência de Mercado, Gilberto Luiz do Amaral.

Apesar de estar classificado como atividade essencial pelo plano federal de contingência, o transporte de cargas também desacelerou. Na primeira quinzena de abril, em comparação com o mesmo período do ano anterior, houve retração de 40% no volume de notas fiscais emitidas e queda de 44% no valor das cargas transportadas.

Os dados públicos tabulados pelo IBPT revelam que algumas atividades tiveram boa performance. Entre elas as que envolvem e-commerce, medicamentos e supermercados, que cresceram 46%, 23% e 11% respectivamente. "Esse crescimento é resultado direto das restrições de circulação necessárias para a redução do contágio, uma vez que, com grande parte do comércio fechado, o consumidor buscou na internet uma forma de adquirir produtos, aumentando a circulação dessas cargas", explica Amaral, que desde 1992 atua na área de inteligência tributária.

O estudo pode servir de balizador para as decisões dos empresários brasileiros, que precisam ajustar suas políticas internas e de investimento à nova realidade global, diz o consultor. Os dados podem ser encontrados gratuitamente no site do IBPT.

MAIS NEGÓCIOS

Negócios que se adaptam têm mais chances na crise
"Adapte seu negócio ou não sobreviva." A frase é impactante em qualquer cenário econômico, mas se potencializa agora, comentou o executivo e administrador de empresas Michael Fukuda, sócio diretor da Benkyou e diretor regional da Entrepreneurs Organization (EO) Brasil, em live compartilhada com os seguidores do World Trade Center Curitiba (WTC), realizada no Instagram @wtccuritiba.

As entrevistas são apresentadas semanalmente por Milton Fabrício, diretor executivo do WTC Curitiba e Joinville. "Essas transmissões fazem parte da estratégia digital do WTC que, como uma associação de negócios, busca fomentar a troca de experiências entre profissionais e empresas. Durante o isolamento social, estamos impossibilitados de realizar eventos presenciais, mas isso não impede o nosso newtorking digital", observa Fabrício.

Especialista em mentoria de profissionais e empresas, Michael Fukuda destaca seis reflexões que precisam ser feitas e colocadas em prática o quanto antes para que gestores consigam se adaptar diante da crise. "Reuni os principais aprendizados de outros empresários e associações, como a EO, e alerto para seis passos: controle do seu negócio, desprendimento para mudar, velocidade em tomar as decisões, abraçar as mudanças, manter a ética e os valores da empresa e, por fim, empregar bem o seu tempo", elenca.

Senai tem mentoria gratuita para produção de EPIs
Indústrias e empresas que desejem adaptar suas linhas de produção e precisem de orientações sobre como ampliar a fabricação de máscaras, protetores faciais, álcool e roupas hospitalares, podem contar com mentorias gratuitas do Senai.

Os consultores vão auxiliar as empresas a criarem um plano de ação para a produção, além de orientar sobre as especificações técnicas exigidas na fabricação de cada item e a necessidade de consulta à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Também serão sugeridas linhas para financiamento, caso seja necessário algum investimento. O treinamento de oito horas é on-line e há 250 vagas para todo o país. A empresa deve preencher seu cadastro enquanto houver vagas disponíveis, com prazo final em 31 de maio, pelo site do Edital de Inovação para a Indústria.

Procura por growlers tem alta de 30%
A Mestre-Cervejeiro.com, maior rede de lojas de cervejas artesanais do Brasil, registrou um aumento nas vendas de growlers, nome dos garrafões que transportam chope fresco. A alta foi de 30% pelo delivery, mesmo operando com cerca de 70% das lojas em todo o país. "O isolamento social está fazendo o comércio que pode operar de alguma maneira se reinventar. Algumas das nossas lojas já trabalhavam com delivery e com a venda de growlers, e nesse período, está sendo essencial essas duas ações de vendas. E o cliente também está reinventando o seu hábito de consumo e podendo beber cerveja fresca/chope em casa", afirma Daniel Wolff, fundador e CEO da Mestre-Cervejeiro.com.

Ele explica que agora é o momento de valorizar o negócio local, que foi um dos mais afetados pela crise, e o growler é uma opção mais econômica, por ser vendido por litro, e ecológica, pois evita o descarte de embalagem, sendo mais atraente para o consumidor, além de valorizar as cervejarias locais, já que muitas opções de chope são produzidas em cervejarias próximas às unidades, mantendo o frescor e as características da cerveja não pasteurizada.

Saint Claire Bakery lança marca própria de produtos
A Saint Claire Bakery chega aos 30 anos em Curitiba lançando uma linha de produtos de marca própria com alto padrão: um chocolate em pó gourmet, um café gourmet tipo exportação e um mel 100% natural e orgânico. O projeto é ambicioso e inclui chegar ao mercado norte-americano, após testar o exigente consumidor curitibano. A empresa visitou mais de 100 pontos físicos nos Estados Unidos, nas regiões da Flórida e Atlanta, durante três anos de pesquisa, experimentando centenas de produtos locais, para conhecer o gosto do consumidor.

AGENDA BUSINESS
Em 30 de maio, o Sebrae realiza a 6ª edição do Startup Day, evento voltado para startups de todo o país, totalmente focado em inovação. Neste ano, o encontro será 100% virtual e gratuito, com uma programação interativa e diversa, que deve reunir milhares de pessoas online. A transmissão acontece por meio deste site e pelo aplicativo Gamefica.ai. O evento acontece das 08h30 às 20 horas e as inscrições podem ser realizadas neste link. O evento é aberto ao público.

Veja mais notícias sobre InfraestruturaParaná.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 02 Junho 2020

No Internet Connection