Assespro-RS terá observatório para mapear o setor de TI no estado

Iniciativa inédita será lançada no South Summit Brazil 2023
A partir de agora, uma fonte confiável e atualizada, produzida localmente, que poderá ajudar na construção de políticas públicas e proporcionar informações estratégicas para nossas empresas associadas", avalia o presidente da Assespro-RS, Marcelo Streck

A Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação do Rio Grande do Sul (Assespro-RS) lançará na quinta-feira (30), às 11h45, uma iniciativa inédita que ajudará a mapear o setor de tecnologia no estado. Na ocasião, a entidade lançará um observatório para mapear o setor de TI gaúcho. O evento fará parte da programação oficial do South Summit Brazil 2023. O estudo vai mostrar características das empresas do setor, distribuição espacial, perfil das unidades locais de produção e emprego, particularidades do setor gaúcho em relação ao Brasil, formação superior em cursos relacionados ao setor e relevância econômica do setor em comparação ao PIB do Rio Grande do Sul. O projeto terá o apoio da Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia do estado e também do Grupo AMANHÃ.

Segundo o presidente da Assespro-RS, Marcelo Streck, existe carência de dados fidedignos e atualizados sobre o setor no Rio Grande do Sul. "Atualmente, as informações que utilizamos são resultado de pesquisas nacionais das quais fazemos recortes com estimativas para conhecer a realidade do nosso estado", avalia. "A partir de agora, teremos uma fonte confiável e atualizada, produzida localmente, que poderá ajudar na construção de políticas públicas e proporcionar informações estratégicas para nossas empresas associadas", detalha.

Streck também destaca a importância de fazer com que o empreendedorismo na área de TI tome todo o estado. "Os dados também nos ajudarão a ter uma imagem do Rio Grande do Sul por regiões. Valorizo a interiorização e defendo que haja empresas de tecnologias espalhadas por todo o interior gaúcho", observa Streck. No Rio Grande do Sul, a Secretaria Estadual da Ciência, Inovação e Desenvolvimento Tecnológico considera a existência de 26 polos entre as modalidades de inovação tecnológica, modernização tecnológica, de desenvolvimento científico e tecnológico e de modernização industrial.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 19 Mai 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/