Sidebar Menu

Tintas Verginia implanta logística reversa

Doze lojas já têm pontos de coleta e previsão é instalar mais cinco até dezembro
O consumidor, mesmo não sendo cliente da marca, pode fazer o descarte de latas com restos de tintas, pincéis e rolos usados e qualquer outro tipo de material de pintura usado

Em vigência desde 2010, a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei 12.305) instituiu a logística reversa como opção para minimizar impactos ambientais gerados pelas empresas e incentivar ações sociais. Em Curitiba, a Tintas Verginia iniciou no final de 2019 uma iniciativa para recolher, reciclar e reaproveitar restos de tintas e materiais de pintura usados. Batizado de "Coleta Colorida", o programa consolidou-se no ano passado e será ampliado neste ano.

O programa funciona de maneira muito simples. A Tintas Verginia instalou pontos de coletas de material usado em 12 de suas lojas. O consumidor, mesmo não sendo cliente da marca, pode fazer o descarte de latas com restos de tintas, pincéis e rolos usados e qualquer outro tipo de material de pintura usado. Esses materiais são separados nas lojas e encaminhados para empresas que fazem a reciclagem e o reaproveitamento de todos eles.

Os restos de tintas não endurecidas são reaproveitados pela própria marca. Em sua unidade fabril, a empresa mistura aditivos e pigmentação para produzir novas tintas que são usadas para uso próprio de manutenção, doações a instituições beneficentes e escolas de Curitiba e região. Os pincéis e rolos também passam por processos de limpeza, com água e/ou solventes, e também são doados para essas ações solidárias da marca. As latas de aço não contaminadas são levadas para uma estação de tratamento e viram aço novamente. Já as latas contaminadas são encaminhadas para incineração em unidades de coprocessamento.

Neste ano, a Tintas Verginia vai instalar cinco novos pontos de coleta. Hoje, o consumidor encontra esses pontos em Araucária (Centro), Curitiba (Ahú, Alto da XV, Bom Retiro, Capão Raso e Portão), Campo Largo (Centro), Campina Grande do Sul (Jardim Paulista), Colombo (Maracanã), Fazenda Rio Grande (Pioneiros) e São José dos Pinhais (Centro e Afonso Pena). Os endereços podem ser encontrados na landing page do programa Coleta Colorida.

Responsabilidade social
Toda a tinta, pincéis, rolos e bandejas reaproveitados pela Tintas Verginia cumpre uma importante função social de revitalizar espaços e instalações físicas de escolas públicas e entidades beneficentes em Curitiba e região. Hoje, a marca tem parceria com cerca de 50 instituições em diversas áreas de atuação. Entre elas, está a ONG Junta Mais Brasil que revitaliza escolas públicas e também oferece atendimento médico e odontológico para crianças e alimentação para pessoas em situação de rua, além de cursos profissionalizantes. Para o futuro, a ideia é oferecer um curso de pintura profissional, também em parceria com a marca.

Além da reutilização de materiais reciclados, a Tintas Verginia apoiou outras iniciativas sociais durante a pandemia da Covid-19, como o projeto Arena Contra a Covid, da Fundação Athletico Paranaense e Defesa Civil. A marca contribuiu para a compra de cestas básicas que beneficiaram mais de 300 famílias em Curitiba, litoral e interior do estado. "Parcerias como essa são sempre muito importantes, pois mostram que a sociedade está unida em prol de uma causa. Quando unimos a força do nosso time a uma marca extremamente forte e respeitada como a Tintas Verginia, conseguimos resultados extremamente impactantes", comemora Roberto Bonnet, responsável pelo projeto.

Veja mais notícias sobre EmpresaParanáSustentabilidade.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 17 Junho 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

No Internet Connection