Tecon Rio Grande é o porto mais eficiente do país de acordo com Banco Mundial

O terminal também é o único representante brasileiro a figurar entre os 50 melhores portos do mundo
Desde o início de suas operações, em 1997, o Tecon Rio Grande já movimentou cerca de 14,2 milhões TEUs

O Tecon Rio Grande, terminal operado pela Wilson Sons, com 25 anos de atuação, é o porto brasileiro mais bem avaliado no ranking nacional, sendo considerado o mais eficiente do Brasil, na abordagem administrativa do Índice Global de Desempenho Portuário de Contêineres do Banco Mundial (CPPI) e IHS Markit.

O terminal também é o único representante brasileiro a figurar entre os 50 melhores portos do mundo, de acordo com a mesma abordagem. O índice analisou mais de 300 instalações em todos os continentes e utilizou dados dos maiores armadores do mundo, responsáveis por 76% da movimentação global de contêineres.

Elaborado pelo World Bank, com colaboração do IHS Markit, o Índice Global de Desempenho Portuário de Contêineres (Container Port Performance Index – CPPI), é um indicador de performance das operações portuárias, baseado no tempo de estadia dos navios nos portos, diferentes volumes de operação e capacidade dos navios operados.

O indicador foi construído com base em duas metodologias diferentes: a abordagem administrativa (administrative approach), que reflete o conhecimento e julgamento de especialistas, e a abordagem estatística (statistical approach), usando análise fatorial.

Desde o início de suas operações, em 1997, o Tecon Rio Grande já movimentou cerca de 14,2 milhões TEUs (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés).

Veja mais notícias sobre InfraestruturaEmpresaRio Grande do Sul.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 12 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/