Edson Vasconcelos é eleito presidente da Fiep

É a primeira vez que um industrial da região Oeste presidirá entidade
Ao fazer seu primeiro pronunciamento como eleito, Vasconcelos destacou a vitória expressiva e, também, os principais desafios a serem levados adiante

O industrial Edson José de Vasconcelos vai presidir a Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) no quadriênio 2023-2027. À frente da chapa "Somos indústria, somos Fiep", ele recebeu os votos de 63 sindicatos filiados à Fiep na eleição realizada nesta terça-feira (15). A chapa "União pela indústria", encabeçada pelo também industrial Rommel Barion, teve 32 votos. No comando da entidade, Vasconcelos substituirá Carlos Valter Martins Pedro, que preside a federação desde 2019. O mandato da nova gestão começa oficialmente em 1º de outubro. É a primeira vez que um industrial da região Oeste presidirá entidade, pois o novo presidente é natural de Cascavel. Esse também é o terceiro industrial seguido cuja origem é do interior paranaense. A Fiep também já teve presidentes das regiões Sudoeste e do Noroeste nas duas gestões anteriores.

Dos 99 sindicatos industriais filiados à Fiep, 95 estavam habilitados a votar, de acordo com os critérios do Regulamento Eleitoral da entidade, e todos compareceram à eleição. Além disso, houve um voto em separado, registrado por força de uma liminar concedida pela Justiça do Trabalho a um dos sindicatos que não havia sido habilitado. A coleta dos votos ocorreu das 12h às 18 horas, no Campus da Indústria do Sistema Fiep, em Curitiba. A apuração foi realizada em seguida e, pouco antes das 19 horas, o resultado foi proclamando pelo desembargador Adalberto Jorge Xisto Pereira, presidente da mesa apuradora.

Ao fazer seu primeiro pronunciamento como eleito, Vasconcelos destacou a vitória expressiva e, também, os principais desafios a serem levados adiante. "Estamos pautados em fazer um belo trabalho voltada para uma política industrial que favoreça o estado inteiro, de modo a regionalizar novamente a federação. A bem da verdade, ela está mais atuante também no interior, mas acredito que o processo de início de trabalho em conjunto com todos aqueles que estão compondo a chapa é um belo começo para a gente colocar em marcha esse plano de trabalho", declarou aos jornalistas. Ele também antecipou que a diretoria eleita, onde a maior parte dos membros é remanescente da gestão atual, estará focada no fortalecimento do setor. "Queremos trabalhar uma política industrial favorável, fazendo aquilo que o Paraná precisa para despontar, galgando mais posições no ranking das potências industriais do Brasil, além de ter como missão melhorar o ambiente da indústria no país tornando-o mais favorável", projetou.

Biografia
Edson Vasconcelos nasceu e cresceu em Cascavel, é casado e pai de três filhos. Graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), tem MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e MBA em Negócios Internacionais pela Ohio University, nos Estados Unidos. Atua no setor da construção civil, sendo sócio proprietário da Vasto Engenharia, Bridge Incorporadora e da Toledo Energias Renováveis, além de atuar no ramo imobiliário e de hotelaria. Os desafios vividos como industrial e o convívio com líderes empresariais moldaram sua visão e o inspiraram a se mobilizar a buscar um ambiente empresarial mais favorável ao crescimento e desenvolvimento do setor produtivo do estado.

Iniciou seu envolvimento no associativismo como membro da diretoria do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Oeste do Paraná (Sinduscon Oeste). Em 2011, passou a integrar a diretoria da Fiep como vice-presidente, cargo que ocupa até o momento. Em 2013, foi eleito presidente do Sinduscon Oeste para um mandato de três anos. Em 2014, ingressou no Programa Oeste em Desenvolvimento (POD), que uniu toda região Oeste em pautas convergentes ao desenvolvimento regional, com destaque para a forte atuação em pautas relacionadas à infraestrutura e logística. Desde 2015, presidiu diversas entidades como o G8, grupo formado pelas oito entidades do setor produtivo de Cascavel; o Conselho de Desenvolvimento Econômico Sustentável de Cascavel (Codesc), que conta com a união de mais de 60 entidades que atuam em prol do planejamento em longo prazo do município; e o Instituto de Planejamento de Cascavel (IPC). Também foi membro do Sindicato das Indústrias de Produtos e Artefatos de Cimentos do Paraná (Sindicaf) e ocupou os conselhos da Ferroeste, do Serviço Social da Indústria do Paraná (Sesi-PR) e da Agência Reguladora do Paraná (Agepar).

Foi, ainda, presidente da Associação Comercial e Industrial de Cascavel (Acic), com uma gestão marcada pela forte atuação na aproximação dos líderes regionais nos temas de importância regional, participando ativamente da viabilização da construção do aeroporto de Cascavel e do Trevo Cataratas, além da implantação do Instituto de Planejamento de Cascavel (IPC), entre outras importantes conquistas para a infraestrutura e desenvolvimento da região Oeste. Desde 2014, coordena o Conselho Temático de Infraestrutura da Fiep, auxiliando na busca por soluções para o aperfeiçoamento da infraestrutura e logística paranaense, com foco na redução do custo logístico, agilidade nos transportes e segurança para cargas e pessoas.

Veja mais notícias sobre IndústriaNegócios do SulParaná.

Veja também:

 

Comentários: 1

Mauro Bernhard em Quinta, 17 Agosto 2023 15:37

Creio que não foi o primeiro. O Rainer Zielasko de Toledo já foi também.

Creio que não foi o primeiro. O Rainer Zielasko de Toledo já foi também.
Visitante
Segunda, 24 Junho 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/