Receita da Weg cresce quase 40% no semestre

Lucro praticamente dobrou no período, mas foi impactado por créditos fiscais
A companhia catarinense afirma que houve continuidade da boa demanda no mercado doméstico entre abril e junho

A Weg apresentou R$ 10,8 bilhões em vendas no primeiro semestre, valor 39,2% maior do que o somado no mesmo período de 2020. O lucro, de R$ 1,8 bilhão, foi praticamente o dobro. No entanto, foram contabilizados créditos referentes à exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS e Cofins no segundo trimestre, fato que resultou em um impacto positivo de R$ 282,8 milhões (veja todos os principais indicadores na tabela ao final desta reportagem).

A companhia catarinense afirma que houve continuidade da boa demanda no mercado doméstico e aceleração da atividade industrial no mercado externo entre abril e junho. "No Brasil observamos solidez na demanda após a consistente recuperação nos últimos trimestres. Destaque para o crescimento dos negócios de ciclo curto, nas áreas de motores comerciais e Appliance, equipamentos eletroeletrônicos industrias e em especial o negócio de geração solar distribuída (GD)", destaca a Weg. Segundo a companhia, a manutenção dos negócios de ciclo longo (como equipamentos para grandes obras, como usinas) contribuiu de forma importante para o resultado, com destaque para o retorno da receita de projetos de geração eólica.

"No mercado externo, a recuperação da atividade industrial global confirmou os sinais de melhora reportados no último trimestre. Apresentamos crescimentos importantes de receita nos principais mercados de atuação, como destaque para os segmentos de mineração, óleo, gás e saneamento. Além dos negócios de equipamentos eletroeletrônicos industrias, destacamos também o bom desempenho das áreas de motores comerciais e Appliance e transmissão e distribuição de energia, com crescimento de vendas e aumento da participação em mercados importantes", revela a Weg.

A Weg é a quinta maior empresa da região e também a terceira maior de Santa Catarina, de acordo com o ranking 500 MAIORES DO SUL, publicado por AMANHÃ com o apoio técnico da PwC. Leia o anuário completo clicando aqui, mediante pequeno cadastro.

Veja mais notícias sobre EmpresaNegócios do SulSanta Catarina.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 28 Setembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

No Internet Connection