Futuros unicórnios compartilham suas histórias no South Summit

Fundadores da Zenvia, Petlove&Co e A55 contaram as trajetórias de suas startups
A fintech A55 fornece crédito para empresas de tecnologia com receita recorrente, de clubes de assinatura até softwares como serviço

No Brasil, os unicórnios estão se tornando figuras místicas não mais tão raras. No último dia de South Summit, três deles estiveram presentes durante a palestra Soonicorns, com os fundadores contando as trajetórias e os desafios que enfrentaram para chegarem a esse patamar. Confira, a seguir, os destaques de cada uma das falas.

Petlove
Inicialmente uma empresa familiar, atraiu novos sócios em 2011, quando novos processos começaram a ser introduzidos. Hoje, a Petlove já conta com 1.500 colaboradores no Brasil inteiro, com presença física em vários locais do país, seja por centros de distribuição, petshops ou clínicas credenciadas por planos de saúde. Recentemente, adquiriram a Nofaro, especializada em planos de saúde para pets. "A qualidade, diversidade e cultura do time foram lapidadas com a ajuda de investidores, além do acesso a linha de financiamentos", relembra o founder Marcio Waldmann.

A55
A startup de Andre Wetter iniciou quando ele percebeu, no setor de tecnologia, uma carência de créditos em segmentos específicos. "Foi de lá que tivemos a ideia da a55 e de como chegar às empresas com um viés diferente", conta. A fintech fornece crédito para empresas de tecnologia com receita recorrente, de clubes de assinatura até softwares como serviço – Infracommerce, Mandaê e Rock Content são algumas delas. Já foram mais de R$ 200 milhões em crédito concedido no Brasil e no México.

Zenvia
Cassio Bobsin, co-founder e CEO da Zenvia, começou a empreender aos 18 anos. A Zenvia foi a quarta tentativa, em 2003. "Nossa trajetória foi marcada pela teimosia de querer que desse certo, muito mais pela insistência do que sorte", garante. Hoje, a Zenvia é uma plataforma que empodera as empresas a criar experiências únicas de comunicação para seus clientes finais, nos canais mais usados por eles. Em 2021, a Zenvia foi a primeira empresa SaaS [ou Software as a Service, uma forma de disponibilizar softwares e soluções de tecnologia por meio da internet, como um serviço. Com esse modelo, uma empresa não precisa instalar, manter e atualizar hardwares ou softwares. O acesso é fácil e simples: apenas é necessária a conexão com a internet] da América Latina a abrir capital na Nasdaq, em Nova York a segunda maior bolsa de valores do mundo.

Veja mais notícias sobre EmpreendedorismoSouth Summit.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 27 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/