Marketing otimizado para nenhum criativo botar defeito

Fausto Reichert, sócio da PipeRun, conta como a inteligência artificial tem feito a automação de tarefas de forma eficiente e lucrativa 
Mapear comportamentos dos consumidores e antecipar as tendências de consumo eram tarefas bem trabalhosas antes da inteligência artificial (IA) ter se tornado rotina. Usá-la para uma melhor experiência do consumidor, análises preditivas e marketing direcionado, tem sido a aposta de grandes companhias para garantir grande retorno sobre o investimento (ROI) para seus negócios.

Uma das empresas com foco em Customer Relationship Management (ou em português Gestão de Relacionamento com o Cliente) automatizado é a gaúcha PipeRun. Focada no mercado B2B, a solução atingiu mais de 750 clientes ativos em menos de 30 meses após o seu lançamento. Na carteira, nomes como Netshoes, Banco do Estado do Espírito Santo (Banestes), CSM Construção e Acqio Meio de Pagamentos. A meta até dezembro é conquistar e manter mil clientes B2B ativos na base.

Fausto Reichert (foto), sócio e diretor comercial da empresa, relata ao canal AMANHÃ TV como a transformação digital tem impactado negócios de diversos segmentos e como a IA evita o retrabalho, controla o pipeline e ajuda a impulsionar as vendas.

Edição: Eduarda Pereira

Veja mais notícias sobre Amanhã TV.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 12 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/