Programadores são de Marte, usuários são de Vênus

Se conseguíssemos aproximar esses dois universos, poderíamos ter processos simplificados e fluidez de comunicação

Por Letícia Polydoro

Tela apresenta códigos de programação

Após anos trabalhando na área de tecnologia, fiz uma descoberta inédita que deverá me deixar milionária: programadores de software são de Marte, usuários são de Vênus. Vou explicar a minha teoria.

Os venusianos são um povo simples e cordato, de caráter passivo que, apesar de oriundos de um planeta extremamente populoso, fala um mesmo idioma, e vive em um estágio tecnológico semi-primitivo. Já os marcianos são avançados, vivem em pequenas comunidades e comunicam-se em múltiplos idiomas incompreensíveis para os venusianos e, de preferência, através de gadgets eletrônicos. Enquanto em Vênus a temperatura ideal é de 22ºC, em Marte, temperatura agradável não passa de 18ºC. 

Sou de origem venusiana e, por motivos profissionais, convivo muito com marcianos. Sempre fui muito bem recebida, apesar de desconfiar que me olham com uma certa pena pelas minhas limitações intelectuais. Pobres de nós, venusianos! Nos esforçamos para conseguir um pouco de respeito dos marcianos! O problema é que os dois planetas são interdependentes e precisam interagir com frequência. E aí os problemas de comunicação são do tamanho do universo. O venusiano pergunta: "Como posso acessar minhas informações?"

“Ora”, responde o marciano, “é muito simples, basta cadastrar todos os seus dados no formulário (atenção para os asteriscos, os 20 campos são obrigatórios), logar-se com o username e a senha (deve ter 12 dígitos e ser alfanumérica), aguardar cinco minutos para recarregar o sistema e abrir uma nova tela. Ela está em branco, mas bem embaixo, à direita, há um ícone que deve ser clicado. Ele abrirá uma janela com 8 tabs. Clique no terceiro, da esquerda para a direita, e selecione o botão que está com o texto em verde. Abrirá uma combobox, selecione o sexto dos 20 itens. Logo abrirá um relatório com as suas informações, tudo de forma ágil e extremamente amigável." E o perplexo venusiano pensa: "Acabei de ser tragado por um buraco negro."

Esse relato pode parecer exagerado, mas muitos venusianos já passaram por experiências semelhantes. Se conseguíssemos aproximar esses dois universos, poderíamos ter processos simplificados e fluidez de comunicação. Um verdadeiro Big Bang de novas possibilidades, trazendo agilidade e fartura. Talvez, em um futuro longínquo, em uma galáxia distante, marcianos e venusianos possam finalmente se entender e viver em harmonia. Mas, até lá, sofisticados sistemas de decodificação terão de ser inventados para que essas duas espécies possam coexistir.

Alguns podem achar que estou exagerando, que programadores e usuários não são assim tão diferentes. Mas uma coisa é certa, do mesmo planeta é que eles não são!


comentarios


Seja o primeiro a comentar a notícia!



Comentar

Adicione um comentário: